Património artístico da Câmara Municipal de Sintra

Biografias
|
Dados biográficos de artistas presentes no museu
  Artur Anjos Teixeira (escultor)

Artur Gaspar dos Anjos Teixeira – nasceu em 18 de Julho de 1880, em Lisboa e faleceu no dia 4 de Março de 1935.

Aos 14 anos entra para a Escola de Belas-Artes de Lisboa, idade que demonstra a precoce aptidão do jovem Artur para as artes, nomeadamente o desenho e a escultura. Terminada a sua formação, concorre a uma bolsa de estudos em Paris, para onde parte com Ricardo Ruivo, aluno de Columbano, aí permanecendo de 1907 a 1914. Com a Grande Guerra decide regressar a Portugal, adquirindo um ateliê em Lisboa.
Mestre Artur Anjos Teixeira não se limitou à escultura, embora tenha sido a sua actividade dominante; da sua obra escultórica, destaca-se entre outros, o "Monumento a Camilo Castelo Branco", o qual ganhou o 1º Prémio de Escultura, em 1934. Veio a falecer no dia 4 de Março de 1935, com 54 anos. Um ano mais tarde um grupo de notáveis, concebeu, em sua homenagem, uma exposição retrospectiva, expondo a sua obra na Sociedade Nacional de Belas-Artes e editou a obra "In Memoriam a Anjos Teixeira".
Artista de talento enorme, Artur Anjos Teixeira sofreu o mesmo revés de vários bolsistas portugueses que, de regresso à pátria, não conseguem ver os seus sonhos e trabalhos reconhecidos, como a experiência no estrangeiro faria supor.

Obras no museu: Sala 2Sala 2Sala 3, Sala 3Sala 4Sala 14Sala 14

 

destaque-menu

bio-menu

mc-icon1tritao

Newsletter do Museu