Património artístico da Câmara Municipal de Sintra

Sala 4 . 1931-1950
|
Anos de produção artística sobre a égide do Estado Novo. Confluências e distanciamentos
  |  

 

  Autor
Leal da Câmara
(ver biografia)

Modalidade

Pintura

Técnica

Óleo sobre tela

Dimensões

155 cm x 125 cm

Datado

Sem data

Proveniência

Casa-Museu
de Leal da Câmara


  Senhor Agostinho

Retrato do Sr. Agostinho, caseiro na propriedade de Leal da Câmara, na Rinchoa. Este surge-nos tipicamente vestido à saloio, tendo como pano de fundo os jardins da referida propriedade. 

Esta obra não pode ser dissociada de
outro retrato, da D. Francisca, também da autoria de Leal da Câmara. Tratavam-se dos caseiros do mestre caricaturista e têm a característica de terem sido pintados perto da sua morte, em 1948. O retrato em presença não está datado mas terá sido, muito seguramente, elaborado na mesma altura que o outro, registado em 1947.
Sabendo das debilidades físicas que então atormentavam o artista, não deixam de ser duas obras notáveis, quer ao nível da técnica e desenho, quer ainda na expressividade dos retratados.
Esta composição, descontraída e não centralizada, confere largueza e espaço à obra, permitindo a explanação de cor e do cenário, sendo mais depurada que o retrato de D. Francisca. O fundo é resumido num breve apontamento de jardim enquanto que na outra obra há uma preocupação com o cenário, com apontamentos arquitectónicos e jardim.

destaque-menu

bio-menu

mc-icon1tritao

Newsletter do Museu